Livros | Legend - Marie Lu

18:35


Hoje vou falar sobre o livro Legend da Marie Lu, que primeiramente foi publicado pela Editora Prumo e será relançado pela Rocco em setembro.Bom, foi uma releitura então pode ter indícios de fangirling, eu sei que o objetivo da Maratona é tirar alguns livros da estantes que estavam encalhados, mas o meu professor de filosofia passou um trabalho sobre livros, que era para escolher um livro que te tocou e falar sobre, só que é necessário ter uma frase do livro que fosse marcante, e eu sou ruim de mais para sair marcando as frases do livro, então: releitura \o/ (prazerosa pro sinal).

Sinopse: A Verdade Se Tornará Lenda - Ambientado na cidade de Los Angeles em 2130 D.C., na atual República da América, conta a história de um rapaz – o criminoso mais procurado do país – e de uma jovem – a pupila mais promissora da República –, cujos caminhos se cruzam quando o irmão desta é assassinado e a ela cabe a tarefa de capturar o responsável pelo crime. No entanto, a verdade que os dois desvendarão se tornará uma lenda. O que outrora foi o oeste dos Estados Unidos é agora o lar da República, uma nação eternamente em guerra com seus vizinhos. Nascida em uma família de elite em um dos mais ricos setores da República, June é uma garota prodígio de 15 anos que está sendo preparada para o sucesso nos mais altos círculos militares da República. Nascido nas favelas, Day, de 15 anos, é o criminoso mais procurado do país; porém, suas motivações parecem não ser tão mal-intencionadas assim. De mundos diferentes, June e Day não têm motivos para se cruzarem – até o dia em que o irmão de June, Metias, é assassinado e Day se torna o principal suspeito. Preso num grande jogo de gato e rato, Day luta pela sobrevivência da sua família, enquanto June procura vingar a morte de Metias. Mas, em uma chocante reviravolta, os dois descobrem a verdade sobre o que realmente os uniu e sobre até onde seu país irá para manter seus segredos.

A Marie Lu teve a ousadia de escrever o livro com o ponto de vista dos dois personagens principais, o que para mim foi ótimo, porque sou fissurada em saber a opinião de ambos numa mesma situação. Os capítulos são curtos, e tem tanta ação que você termina de ler o capítulo e já vai para o próximo loucamente e por ser um livro curto há altas chances de terminar em um dia!

Por mais que os personagens secundários sejam um pouco esquecidos, você não sente aquela falta porque os principais são simplesmente incríveis, você gostaria de conhecer/ser a June e o Day. June é a prodígio da nação e muito analista em tudo, ela enxerga coisas em volta e tem habilidades que muito poucos tem, sendo que algumas dessas características são compartilhadas pelo Day também, só que ele é das ruas e não teve vida fácil para conseguir as habilidades.

A única coisa que eu senti de estranho é que não consigo imaginar o Day e a June com 15 anos, eles tem uma mente tão desenvolvida quanto suas habilidades. Já no primeiro livro o sistema do governo já é mostrado uma completa mentira e a vida de ambos os protagonistas é virada ao avesso. 

“-Nunca lhe perguntei sobre esse nome de guerra. Por que Day?
-Porque cada dia significa novas 24 horas. Cada dia quer dizer que tudo é possível de novo. Você pode aproveitar cada instante, pode morrer num instante, e tudo se resume a um dia após o outro."

Música escolhida: Don't stop Believin' - Journey

Eu acho necessário colocar a música toda para tentar explicar o porquê da escolha, então vou colocar ela traduzida: 
Não deixe de Acreditar

Apenas uma garota do interior
Vivendo num mundo solitário
Ela pegou o trem da meia-noite para algum lugar
Apenas um garoto da cidade
Nascido e criado no sul de Detroit
Ele pegou o trem da meia-noite para algum lugar

Um cantor em uma sala esfumaçada
O cheiro de vinho e perfume barato
Por um sorriso eles podem compartilhar a noite
É assim sempre e sempre e sempre e sempre

(Refrão)
Estranhos esperando
Pra cima e pra baixo da alameda
Suas sombras se procuram na noite
Pessoas nas luzes da rua
Vivendo simplesmente para achar emoção
Escondida em algum lugar na noite

Trabalhando duro para conseguir meu suprimento
Todos querem um caminho
Jogando algo em que os dados rolam
Só mais uma vez

Alguns vão vencer, outros vão perder
Alguns nasceram para cantar blues
Ó, o filme nunca acaba
É assim sempre e sempre e sempre e sempre

(Refrão)

Não deixe de acreditar
Segure-se naquela sensação
Pessoas nas luzes da rua

1º estrofe: de algum modo pessoas de mundos diferentes se encontram;
2º estrofe: seria o Day em busca de sua sobrevivência nas ruas;
3º estrofe: quando estão o Day, June e a Tess nas ruas buscando sobreviver, lutando o Skiz e por aí vai.

Foi isso, agora eu estou lendo A Ordem de Extermínio, até a próxima o/

Leia também

0 comentários

Obrigada por comentar!
Críticas e sugestões são bem vindas!
Por favor deixe o link do seu blog nos comentários, sempre buscarei retribuir.

Leituras

Facebook

#Recomendo: Séries

Subscribe