Livros | Filha da Floresta - Juliet Marillier

17:22

Sevenwaters, livro #1
Autora: Juliet Marillier
Editora: Butterfly
Páginas: 616
Avaliação: ★★★★★
Compre em: Butterfly Editora
Sinopse: O domínio de Sevenwaters é um lugar remoto, estranho, guardado e preservado por homens silenciosos e criaturas encantadas, além dos sábios druidas, que deslizam pelos bosques vestidos com seus longos mantos...
Passada no crepúsculo celta da velha Irlanda, quando o mito era lei e a magia uma força da natureza, esta é a história de Sorcha, a sétima filha de um sétimo filho, o soturno Lorde Colum, e dos seus seis amados irmãos, vítimas de uma terrível maldição que somente Sorcha é capaz de quebrar. Em sua difícil tarefa, imposta pelos Seres da Floresta, a jovem se vê dividida entre o dever, que significa a quebra do encantamento que aprisiona seus irmãos, e um amor cada vez mais forte, e proibido, pelo guerreiro que lhe prometeu proteção.

Sorcha é a única filha de Lorde Colum e tem seis irmãos que se tornam uma unidade em volta dela, juntos eles são mais fortes, ligados pelo elo da família. Por não ter nenhuma figura materna Sorcha é criada livre pelas terras de seu pai, sujando seus pés de terra, cultivando o que tem por ali e a cada dia se mostrando uma excelente curandeira.

Ela prova suas capacidades de cura quando ela e um de seus irmãos, salvam um bretão (velhos inimigos dos moradores do domínio de Sevenwaters, que é considerada a região da Irlanda) de ser assassinado por ter entrado em domínios que não o pertenciam. Durante o tempo que a garota passa fora tratando o jovem, seu pai arranja uma esposa que vai tirar a paz das terras do Lorde e atrapalhar a unidade que é a família.

Nessa parte que entra o lado da inspiração no conto Os Seis Cisnes dos Irmãos Grimm, a madrasta solta a maldição que só Sorcha poderá quebrá-la, porém sem seus irmãos para apará-la, sem a voz para pedir ajuda e todo o processo terá que ser por suas mãos.

A forma que o livro é escrita parece muito uma versão formal de alguém lhe contando uma história verbalmente, com poucos momentos de reflexão de Sorcha, para deixar claro a forma que o livro é contado. O livro vai empolgando aos poucos conforme vão passando as desventuras e aventuras dessa jovem sozinha em parte da sua história, tem uns eventos que ocorrem que são de sofrimento puro, que só deixou a história mais real para a época que se passa e como diz o ditado: "Depois da tempestade vem a bonança".

Sorcha é das personagens mais fortes que já li, quem está a sua volta chega a desistir da jornada dela e isso nem chega a passar em sua mente, a filha da floresta tem uma alma bondosa e determinada que vai ajudar quem está a sua volta com o que tem, não importando quem seja. Seus irmãos são o símbolo da proteção, quem eles amam ou se importam têm a garantia de serem protegidos, Red e Simon são os bretões que quase roubam a cena quando aparecem, tendo uma alma quase tão bela quanto a de Sorcha, outros bretões que surgem na história também são dignos de amor.

Filha da Floresta foi uma história que me surpreendeu em sua realidade e me cativou demais com seus personagens, seu toque de fantasia foi muito bem utilizado e acrescentou ao meu pouco conhecimento das lendas desses lugares, deixo aqui o meu agradecimento pelo final feliz da história, que me deixou bem leve.


Leia também

2 comentários

  1. Oi, Gio!
    Eu tenho muita vontade de começar essa série, mas a quantidade de livros me brocha um cadinho...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A trilogia "original" só tem 3 gente, e são quase histórias individuais!

      Excluir

Obrigada por comentar!
Críticas e sugestões são bem vindas!
Por favor deixe o link do seu blog nos comentários, sempre buscarei retribuir.

Leituras

Facebook

#Recomendo: Séries

Subscribe